O maravilhoso header é cortesia da Palmier Encoberto. Quem mais?

sexta-feira, maio 24, 2013

Amanhã vou a um casamento

O primeiro casamento a que vou com três migalhas.
Já há muito tempo que não vou a nenhum, amigas já deixaram de ser casadoiras há muito tempo, já está tudo mais para segundas núpcias, mas sem a pompa e circunstância da primeira vez.
De qualquer maneira há coisas que tenho a certeza que nunca mudam, por isso do dia de amanhã posso esperar:

- Dito-Cujo oferecer-se gentilmente para ficar à porta da igreja com as crianças
- Senhor meu sogro ser solidário com o filho
- Ouvir para cima de vinte vezes "estás cada vez mais magra" (yes!!!)
- Que me entre areia, do chão de terra batida do parque de estacionamento, para dentro das sandálias
- Enterrar o salto das ditas na relva na hora de tirar fotografias algures debaixo de uma árvore
-  Ter dores nos pés e descalçar-me discretamente debaixo da mesa umas vinte vezes
-  Passar o tempo todo a mudar a clutch de sítio porque não vou saber onde raio a colocar (sim, também tenho essa coisa que antes era uma "malinha de cerimónia")
-  Morrer de frio com o meu modelito (quem podia adivinhar que S. Pedro estava a ficar senil)
- Desejar comer pratadas de doces de ovos,  mas invés disso, vou morfar gigantes pratos de fruta com uma colherzinha que mal se vê de encharcada ou trouxas ou papo de anjo (saliva)
- Convencer Dito-Cujo a conduzir com promessas de sexo desenfreado (álcool e tal, nem sei o que faço)
- Ele vai aceder mas vai beber na mesma, e eu como mãe consciente que sou vou ficar-me pelo gin de aperitivo
- Migalhas parecerem as crianças mais descabeladas, sujas e amarrotadas da festa, pelo menos aos meus olhos
- Dito-Cujo insistir em descascar as gambas com as mãos
- Migalha Crescida fazer pinos e rodas no meio da pista de dança e mostrar as cuecas a toda a gente
- Migalha do Meio enfardar croquetes e presunto e doces até ficar a ganir com dores de barriga
- Migalha Bebé  pedir colo, chichi, cocó e fazer birras de sono.  Eu vou-me irritar até fazer parecer a madrasta da Cinderela uma menina de coro.
- Não encontrar ninguém com roupagem igual à minha. É tudo da Zara e aquilo é tudo gente decente que mandou fazer cópias de vestidos de haute couture nas costureiras do bairro (saudades de ter dinheiro para ir à costureira do bairro que para os originais nunca tive mesmo)...
Enfim, espera-se uma grande dia, uma grande festa, felicidades aos noivos e tal, vejam lá se aguentam o casamento pelo menos tempo suficiente para amortizar o investimento que papás estão a fazer, ok?

Sem comentários:

Publicar um comentário

Comenta, não pagas nada e eu fico toda contente