O maravilhoso header é cortesia da Palmier Encoberto. Quem mais?

domingo, outubro 11, 2015

Aleluia

Hoje não estava lá. Minutos antes, uma novidade que me deixou entre a felicidade e a inquietação, um burburinho no estomâgo tal que quase me impedia de ouvir. Levantava-me e sentava-me, levada pela pequena multidão que hoje acorreu e que se espraiava até à porta, os cânticos esses já os sei sem me lembrar que os sei, e fui cantando surda pelos pensamentos.
No banco da frente, uma menina que nem dois anos conta, rabiscava a verde e azul um livro de colorir. Lá ao fundo ouvia-se na boca do padre "...Evangelho segundo S. Marcos...." e a menina deixava sair em jeito de ladaínha "...luia, luia", presa que ficou na melodia, também o meu Sancho ficava sempre preso no Aleluia.
Ali, com a Palavra que não escutei ao fundo, e aquela criança tão serena com a voz baixinha "luia, luia", Deus parecia tão suave...
- Palavra da salvação
- Glória a Vós, Senhor.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Comenta, não pagas nada e eu fico toda contente