O maravilhoso header é cortesia da Palmier Encoberto. Quem mais?

terça-feira, maio 20, 2014

Na vida real como nos blogues

A nova diversão de Migalhas, é irem no carro de janela aberta a gritar para quem vai nos outros carros, ou quem passa na rua.
Riem que nem uns perdidos, se alguém olha, ou lhes diz adeus. Se rapazes pequenos de outros carros lhes respondem, é um não acabar de risinhos.
Uma galhofa!
Por isso, se passarem por um carro não alemão, com três crianças a gritar "olá senhor" ou se ali em frente ao estádio de Alvalade, um miúdo amoroso estiver a cantarolar com a janela traseira aberta " O xeporting é pinquião" (cada um acredita no que quer), podem dizer olá.
Somos nós!

21 comentários:

  1. Tão fofos! Quando era miúdo, o meu primo aprendeu a dizer "Eh carapau", por causa da porcaria de um programa qualquer que dava na tv. Sempre que ia de carro e via uma rapariga, ele metia a cabeça de fora e gritava aquilo! Uma vez ainda acrescentou: "Ó tio! Olha duas 'gachas' boas! Uma para mim, outra para ti!" O meu pai passava cada vergonha!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahah, lembro-me dessa coisa do "eh carapau", perfeitamente. Os meus ainda não me envergonham... Muito...

      Eliminar
  2. Eu também fazia isso! Não gritava mas dizia adeus. A minha mãe ficava furiosa por me estar a meter com as pessoas, chegou a parar o carro e a dizer que nos deixava ali.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não fico furiosa, pelo contrário. Enquanto vão na brincadeira não vão a implicar uns com os outros, e isso é que me deixa furiosa!

      Eliminar
  3. Eu , já mais velhinha, segundo amo de universidade, sentava-me no lugar do pendura, pedia ao condutor para encostar ao passeio e andar bem devagarinho, abria a janela e... bem... assim de surpresa punha metade do corpo fora do automóvel e gritava "buuuuiu".
    Nunca percebi porque é que as pessoas não achavam muita graça....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As pessoas não achavam graça a uma matulona de vinte anos pendurada na janela do carro a pregar-lhes sustos de morte? Que estranhas podem ser as pessoas, não?

      Eliminar
    2. Pessoas estupidas, mesmo.
      Ou se calhar bebiam de um vinho diferente, não sei...?

      Eliminar
    3. Acendalhas anônimo? Não chega, acendalhas não chegam para atear fogos por aqui...

      Eliminar
    4. Não Querida.
      Usar acendalhas e (tentar) atear fogos, é mais a especialidade do seu pequeno grupinho.

      Eliminar
    5. Olha só a tua sorte xaxia! Ter haters no blog é sinal de que estás a caminho da Blogo-fama!

      Eliminar
  4. Ahhhh que boas lembranças de mim e da minha irmã, viradas para trás no banco traseiro (já agora, não se usavam cintos nas crianças na década de 90???) a dizer adeus aos senhores motoristas, camionistas e motociclistas. :)
    A vida era bela. Vou ver se ensino isso à minha mini Mi.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece que não, aquilo era tudo de qualquer maneira. Lembro-me de fazer viagens sentada ao colo do pendura, acho que nem era proibido. "Deixa-me ir à frente". Lembro-me tão bem...

      Eliminar
  5. " O xeporting é pinquião"... :DDD É assim mesmo... Adoro o teu Sancho!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também eu! Tanta coisa em comum, credo.

      Eliminar
    2. Ahahahahaahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahah

      Eliminar
  6. O "pinquião" derrete-me!
    Olha que há muito boa gente por aí, muuuuuuuuito mais velha do que o pIqueno Sancho também a fazer ceninhas para se tornar notado.
    Vê que até em bicos de pé se põem!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu conheço 7!!!

      Eliminar
    2. Ainda me doem os gémeos! Todo o dia na mesma posição, cansa...

      Eliminar
  7. Anos 80 e eu e a minha irmã do meio criámos um partido (PMT) e faziamos campanha durante as viagens de carro com os nossos pais, de joelhos no banco, viradas para trás, aos gritos (pelo nosso partido) e acenando (pela nossa campanha). O meu pai aumentava o volume do rádio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahahah,,,A idade dos ideiais políticos?

      Eliminar

Comenta, não pagas nada e eu fico toda contente